Comunicação | Notícia
SELECT * FROM `n_noticias` WHERE `num`='1437'
NOTÍCIAS - Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul - atualizado em 01/05/2017 19:46
Saiba a opinião dos vereadores sobre o projeto da Votorantin
Tamanho da Fonte: a-  A+

O projeto Caçapava do Sul da Votorantim Metais pretende investir R$ 371 milhões iniciais em Minas de Camaquã para a extração de chumbo, zinco e cobre e gerar 450 empregos diretos. A projeção de início das atividades é para 2020.

Em fase de licenciamento ambiental, o empreendimento vem sendo questionado por políticos e ambientalista. Eles declaram que o empreendimento vai causar desequilíbrio ambiental do Bioma Pampa, atingindo o ecossistema do Rio Camaquã.

Paul Cezanne Pinto, engenheiro da Votorantim Metais, afirma que o projeto usará práticas de gestão ambiental onde as técnicas de engenharia de minas são aplicadas, com controle ambiental.

Diante deste cenário, a Gazeta resolveu saber a opinião dos vereadores do município. Dos onze, nove são favoráveis, um contrário e uma vereadora não quis opinar sobre ao projeto apresentado pela Votorantim. Leia a opinião de cada um:

Mariano Teixeira (PP)
“Sou a favor. O projeto vai gerar emprego e impostos para o município. Na minha visão o empreendimento deve ser avaliado técnica e não politicamente”.

Silvio Tondo (PP)
“Pelo que foi apresentado na Câmara, sou favorável ao Projeto Caçapava do Sul da Votorantim. Ele vai gerar empregos e desenvolver a região”.

Paulo Pereira (PDT)
“Sou a favor. Pena que tem gente querendo se promover politicamente contrário a Caçapava. A população tem se manifestar. Qual cidade iria rejeitar um empreendimento deste porte”.

Jussarete Vargas (PP)
“Claro que apoio o projeto. É um grande empreendimento para cidade, vai gerar emprego e desenvolver nossa região. Não poderia ser contra de forma alguma”.

Marquinhos Vivian (PMDB)
“Minha posição é favorável ao projeto, desde que respeitadas as questões ambientes. A decisão deve ser baseada no parecer técnico da Fepam. O que está acontecendo é politicagem. Bagé tem o defeito de sempre quer tudo para lá”.

Alex Vargas (PMDB)
“Favorável. O empreendimento vai melhor a economia da cidade e região. Quem é contra está prejudicando a população. Com a tecnologia de hoje e as legislação ambiental, acredito que só trará benefício para Caçapava”.

Boca Torres (PT)
“Como biólogo sou contra o projeto apresentado pela Votorantim. Pois, assim como está, trará prejuízo ambiental para cidades da região banhadas pelo rio Camaquã. Essa conversa que não irá poluir é “babela”. Caçapava vai ganhar muito pouco com os royalties e o prejuízo ambiental será maior. Quero deixar claro que sou contra o projeto atual de mineração apresentado, não sou contra a empresa”.

Mano (PP)
“Sou a favor do projeto da Votorantim. Vai gerar emprego e receita para o município. Claro que deve ser observada a questão ambiental. Se tiver dentro das normas da Fepam porque ser contra?”

Ricardo Rosso (PP)
“Claro que sou favorável. Trará desenvolvimento para o Estado. Importantíssimo para o município. Pena que um deputado estadual que fez voto aqui está contra Caçapava. Está se aproveitando da ocasião para ganhar votos em 2018.

Caio Casanova (SDD)
“Sou favorável ao projeto que vai gerar emprego e renda para Caçapava. Aposto que se a Votorantim implantasse o projeto do lado de lá do rio Camaquã o pessoal de Bagé seria a favor”.

Márcia Gervário (PDT)
“Prefiro não me manifestar no momento. Vou aguardar o parecer final da Fepam sobre o licenciamento ambiental para emitir minha opinião”.

Por Marcelo Marques /  Gazeta de Caçapava