Comunicação | Notícia
SELECT * FROM `n_noticias` WHERE `num`='892'
NOTÍCIAS - Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul - atualizado em 26/03/2015 11:38
Vereadores buscam informações sobre obras da Corsan
Tamanho da Fonte: a-  A+

Os vereadores Peter Linhares (SDD), Marquinho Vivian (PMDB) e Luis Fernando Torres (PT) estiveram na Companhia Riograndense de Saneamento - CORSAN, em Porto Alegre na sexta-feira, dia 20, para uma reunião com o  Superintendente de Relações Institucionais da Corsan, André Finamor,  buscando informações sobre vários problemas em relação ao abastecimento de água e também sobre a obra da Bacia da Fonte do Mato.

O vereador Luis Fernando levou uma amostra de água das casas dos moradores do Rincão dos Bitencourt, onde o material para instalação de rede água, segundo o Superintendente, havia sido enviado para Caçapava do Sul, a obra iniciou, no governo anterior ainda, mas não foi concluída. De acordo com os vereadores, em outra reunião, foi dito por um engenheiro da Corsan, que o problema estava na pressão da água que viria do reservatório do Bairro Floresta. Teria que ser instalada uma válvula de retenção, para a água chegasse até os Rincão. Finamor disse aos vereadores que este problema está sendo resolvido, que está na pauta de trabalho da Companhia. Peter Linhares questionou o andamento da obra deste reservatório do Bairro Floresta, pois, segundo informações pela Corsan, esta obra deveria estar pronta no final do ano e até agora não foi concluída.  O Superintendente informou que a empresa que estava executando a obra, que é terceirizada, teve problemas de contrato com a Corsan e por isso a obra parou. Está sendo feita uma nova licitação para contratação de uma nova empresa e assim concluir esta obra. Com isso, a Companhia poderá dar sequencia no caso do Rincão dos Bitencourt.

 

No final, o vereador Marquinho Vivian questionou sobre a obra da estação de tratamento de esgoto da Bacia da Fonte do Mato, que beneficiará a região dos Bairros Vivian, Pinheiro, Persia, além de uma boa parte do Centro da Cidade. Marquinho lembro que o 1º Edital foi lançado em setembro de 2014. Conforme disse Finamor, este primeiro edital não teve nenhuma empresa interessada em realizar a obra. Isto porque, apesar de parecer uma abra muito cara, para as empreiteiras especializadas, o valor é baixo para deslocarem equipamentos específico e funcionários apenas para Caçapava do Sul. Os técnicos da Corsan estão atualizando as tabelas de valores para lançar um edital até o final de maio. Outras cidades da região estão iniciando obras deste tipo, e isso pode atrair empresas que tenham interesse em tocar esta grande obra que irá melhorar muito as condições do recolhimento e tratamento de esgoto em Caçapava do Sul.