Comunicação | Notícia
SELECT * FROM `n_noticias` WHERE `num`='691'
NOTÍCIAS - Câmara de Vereadores de Caçapava do Sul - atualizado em 25/06/2014 08:37
Projeto de acesso a Caçapava é dividido em quatro etapas segundo o DNIT
Tamanho da Fonte: a-  A+

Nesta terça-feira, dia 24, o Prefeito Otomar Vivian, acompanhado de sua equipe de governo e os vereadores, Luis Fernando Torres, José Sidnei Menezes e Serafim Almeida liderados pelo Presidente Peter Linhares, receberam para uma reunião de trabalho, o Superintendente Estadual do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT), Pedro Luzardo Gomes e o Superintendente Estadual da Policia Rodoviária Federal, Jerri Adriane. A pauta do encontro era a aprovação do projeto de construção do novo posto da PRF em Caçapava do Sul, que será todo revitalizado e proporcionará melhorias no acesso ao município e Unipampa.

O Prefeito e os vereadores esperaram os dois superintendentes no posto da Policia, às 10h, onde os engenheiros da empresa ENECON estavam presentes e aguardavam a reunião, a ENECON é a empresa terceirizada do DNIT que elabora os projetos padrões do Governo Federal, em termos de rodovia e acesso a cidades.

As autoridades percorreram caminhando o trecho da sede da PRF até a Unipampa, para analisar bem o local e os engenheiros começassem a preparar o projeto. Já na Unipampa, as autoridades municipais e federais foram recebidas pelo Reitor em exercício da Unipampa, Professor Almir Barros e pelo Diretor do campus local da Universidade, professor Marco Antonio Hansem. Já o Deputado Federal Paulo Pimenta estava representado pelo assessor Julio Lima.

Durante a reunião na Universidade, foi explanado os cursos vigentes na Unipampa, bem como o número de alunos e o projeto de expansão, que inclui a nova área doada pela Prefeitura no final do ano passado, que soma cera de 30 hectares.

O Professor Hansem explicou o projeto da Universidade e até onde vai a expansão do campus, que precisa de pavimentação por causa dos laboratórios que serão montados no local.

Na sequência, a reunião prosseguiu na AABB, com um almoço, onde o Prefeito Otomar Vivian entregou ao Superintendente da PRF, Jerri Adriane, o Projeto da ampliação e revitalização do posto da PRF em Caçapava do Sul, no qual foi feito pela Instituição federal e protocolado na Prefeitura para aprovação. Com a devolução do projeto aprovado para a  Polícia, o Superintendente já anunciou a abertura do processo licitatório para começar as obras do novo posto, que será voltado ao atendimento da população e dará maior segurança as pessoas, com iluminação e área para lazer, melhorando também as condições de trabalho dos policiais rodoviários.

Seguindo o encontro, foi a vez do Superintendente Pedro Luzardo falar e informar as autoridades os passos que serão tomados quanto a recuperação do acesso a Caçapava e também a Unipampa. Segundo ele, a ação em Caçapava será divida em quatro partes, a primeira e a segunda, será a construção da nova rótula de acesso a cidade e também de acesso a Unipampa, na mesma licitação da BR 392. Já a terceira e quarta etapa, será o projeto de revitalização da entrada da cidade através da Presidente Kennedy, com inclusão de uma ciclovia e passeio público e o trecho de acesso à Unipampa até o cemitério das catacumbas.

 Este projeto será todo custeado pelo DNIT através da empresa ENECON, onde o plano diretor de expansão Unipampa vai integrar o projeto original. Com isso, ficou marcado para a próxima segunda-feira, dia 30, uma reunião com os técnicos da empresa, a Secretaria de Planejamento do Município e a Pro-Reitoria de Planejamento da Unipampa, para começar a montar o projeto nos padrões do DNIT. A reunião será organizada pelo Secretário Fabio de Oliveira e acontecerá na sede da Prefeitura.

A medição da área começou a ser feita e na segunda-feira o projeto deve tomar forma, respeitando todos os acessos previstos pela Universidade. O Projeto será anexado no processo de federalização já existente no DNIT, desses dois trechos.

Pedro Luzardo comentou ainda, que os dois trevos, tanto de acesso a Caçapava como da Unipampa, o DNIT pode fazer sem a federalização, incluindo na mesma licitação da BR, por questões de segurança.

A partir deste encontro, a cada reunião realizada fica marcada a próxima para sempre ir dando sequência no trabalho, que tem todos os órgãos envolvidos.

 

Durante o almoço a Associação das empresas de calcário reivindicaram outro redutor de velocidade na região das caieiras, para evitar os acidentes que ocorrem com frequência na região, devido ao grande tráfego de caminhões durante a safra. Participaram também do encontro a Associação Comercial Industrial, empresários, secretários municipais e os vereadores Pedro Gaspar, Teresinha Grazzioli e Antonio Tolfo.



Galeria de fotos